28/04/2012

Sábado - Feira # 04


25 de Abril – Revolução dos Cravos



A rubrica, Sábado – Feira, de hoje é especial.

Toda ela é dedicada ao  passado dia 25 de Abril ( Anterior Quarta – feira. Que bem que soube o ferido ).

Sei que já devem estar saturados de ouvir sempre as mesmas coisas relativas a esse dia, porém, vou tentar aumentar  a vossa cultura geral e mostrar-vos factos/informações curiosas desse dia

Sendo assim,

  • 25 de Abril de 1974 – Ocorreu um golpe de estado, ficando conhecido como “Revolução dos Cravos”

  • Diz-se que foi uma revolução porque a política, do nosso pais, foi alterada radicalmente.

  • A designação desse golpe/revolução provem do facto de não ocorrer violência durante a “revolta”.

  • Os soldados em vez de balas, colocaram cravos nas pistolas ( cravos esses provenientes de uma mulher, comerciante, que ali se encontrava )
  •  
  • Isto tudo resultou  de o povo português não estar satisfeito com o governo de Marcelo Cateano ( que utilizava a mesma politica de Salazar – Estado novo  - ditadura )
  •  
  • Antes do 25 de Abril a escolaridade obrigatória era até ao 4º ano
  •  
  • As meninas e os meninos, na escola, não podiam andar juntos ( eram separados por muros )
  •  
  • Todos os homens eram obrigados a irem a tropa
  •  
  • Havia muita censura  ( conhecido por “lápis azul “ )
  •  
  • Os sinais para o inicio da revolução foram dadas pela rádio : primeira foi a música "E Depois do Adeus", de Paulo de Carvalho, a segunda foi "Grândola, Vila Morena", de Zeca Afonso, que ficaram ligadas para sempre ao 25 de Abril

Nomes Importantes na Revolução: Mário Soares (PS), Álvaro Cunhal (PCP), Francisco Sá Carneiro (PPD), Capitão Salgueiro Maia, General Spínola e muitos outros.


Achas que Portugal precisava de outro 25 de Abril?
 Bernardo Silva

Facebook

15 comentários:

Maria! disse...

A seguir :)

Soraia disse...

Certas coisas podiam ser como no 25 de Abril sem dúvida mas outras claro que não. E muitas vezes as pessoas não fazem ideia das consequências que haveriam se existisse outro 25 de Abril.

Carolina disse...

Precisa dos mesmos ideais e força, que a meu ver, se foram perdendo :)

S* disse...

precisávamos de um povo que agisse, isso sim.

Paula Castro disse...

muito obrigado :)

nicolemorais disse...

sinceramente, não sei se outro 25 de abril poderia mudar esta decadência, contudo, há quem acredite que fosse uma mais valia.

Didi disse...

Posso dizer que a geração dos nossos avós e pais foi muito mais corajosa que a nossa, nós limitamos a choramingar e nada fazemos... vamos para manifs com o chouriço e a merenda "reclamar" e quando nos entrevistam comecamos a rir quase que pareve que estamos a rir de uma anedota.
Precisamos de outro 25 de Abril, mas sem cravinhos... uma revolta com violência sem cá brandos costumes pois graças a eles somos um povo banana! E não esquecendo meter na prisão os políticos que levaram isto à miséria. Volta Salazar que estás perdoado!

BB disse...

sim acho, mesmo !

Letícia* disse...

Uma nova revolução, não faria mal nenhum, afinal em vez de melhorar só estamos a piorar, enfim...

Boa semaninha Bernardo :)*

P.S: O teu desafio será publicado esta semaninha, prometo :P

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
ecos
de
la
tarde
callada
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


COMPARTIENDO ILUSION
BERNARDO

CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...




ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE THE ARTIST, TITANIC SIÉNTEME DE CRIADAS Y SEÑORAS, FLOR DE PASCUA ENEMIGOS PUBLICOS HÁLITO DESAYUNO CON DIAMANTES TIFÓN PULP FICTION, ESTALLIDO MAMMA MIA,JEAN EYRE , TOQUE DE CANELA, STAR WARS,

José
Ramón...

Lu! disse...

Acho que sim...

Tanita disse...

Não precisava de outro 25 de Abril, mas precisa de imensas mudanças, a começar pelo actual governo.

Vera, a Loira disse...

Acho que nem outro 25 de abril resolvia.

Anónimo disse...

olaaaaaaaa

Daniela Castro disse...

Isto já sabia á exceçao do "lápis azul" , até porque ao longo dos vários anos de escola, mesmo na faculdade fui obrigada a saber até ao mais intimido do 25 de Abril. Acho qe é de uma outra Revolução que precisamos !

Espero pela Rubrica de amanha!

Beijinho*